segunda-feira, outubro 11, 2004

"Choro, merda."