sexta-feira, setembro 10, 2004

és tão boa mãe

Lu: Eu sou uma activista a favor do aborto. Quer dizer… agora pouco activa…
Bo: Eu sou completamente a favor da despenalização do aborto, não do aborto em si. Mas se fosse preciso fazer, fazia-o.
Lu: Eu também. E depois dava-o para eles o esmigalharem e estudarem as células estaminais.
Bo, rindo: És tão boa mãe!

Para o pesoal por detrás da vinda a Portugal da associação Women on Waves, em especial para a organização Não te Prives. Tenho pena de por agora poder estar com vocês, mas acredito piamente que a mediatização da coisa foi uma vitória, e vão ter sempre o meu total apoio.