sexta-feira, outubro 03, 2003

Opções - O dia em que acordei no hospital

Abri os olhos e vi apenas um quarto que não era o meu. Estava muito pouco iluminado, e eu via tudo um bocado desfocado. Sentei-me na cama e trémula tirei um fio que me estava a magoar o braço. Levantei-me e tentei equilibrar-me para chegar à luz que entrava pela porta. Abri-a e saí. Vi um corredor baixo e muito comprido, cheio de portas de ambos os lados. Senti-me muito tonta e encostei-me à parede. Deixei-me cair e fiquei ali.
Quando voltei a acordar estava no mesmo quarto, a Bo estava ao meu lado e o D.W. também.
-Ó atrasada!! – Grita a Bo. – Que é essa merda de andar a beber leite estragado?
-Hã? – Digo eu.
-Ó Lu, tu realmente.. Não lhe sentiste o sabor?
-Duuuh!! Tu achas que ela fez sem querer? A festa do P.P. é daqui a três dias. Tipo... já viste os quilos que ela vai perder com isto?
Viro-lhes as costas. – Deixem-me em paz. Tragam-me uma roupa decente quando me derem alta.